Falsos Jardins

Trata-se de uma série de gravuras vegetais sobre papel. Em caminhadas que faço, colho flores que depois utilizo em uma técnica de impressão cujo pigmento das plantas passam para o papel por meio de fervura e adição de mordentes. O resultado assemelha-se a aquarela, com todas as nuances das flores e folhas impressas no papel.