Realejo virtual

Um monitor de computador ficará a disposição do público para que acesse o realejo virtual. Clicando no ícone do passarinho, ele bica um recado, contendo uma frase de amor. Ao modo dos biscoitos da sorte, as frases serão quase ininteligíveis. Assim como na fonte, a obra tensiona esta disponibilidade absoluta do espectador ativar algum tipo de oráculo para saber sobre um sentimento, sobre o futuro relacionado ao amor. A ideia é que seja tecnologicamente tosco, para a mágica não ocultar o ridículo da cena.